segunda-feira, 20 de abril de 2015

Dom Sérgio da Rocha, Arcebispo de Brasília é eleito presidente da CNBB


Dom Sergio da Rocha, o Arcebispo de Brasília, foi eleito presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) nesta segunda-feira, em primeiro turno, obtendo 215 dos 294 votos. A eleição ocorreu durante a 53ª Assembleia Geral da entidade, que acontece desde o dia 15 em Aparecida, e que também irá atualizar as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil.

Aos 54 anos, o clérigo nascido na minúscula Dobrada, cidade com apenas 8 mil habitantes no interior de São Paulo, é doutorado em Teologia Moral pela Academia Alfonsiana de Roma, atuou como professor na PUC Campinas, foi ordenado presbítero em 1984 e bispo em 2001. No cargo, passou por Fortaleza e Teresina e em 2011 foi nomeado para a capital federal. É conhecido por seus hábitos simples, no dia a dia dispensa o serviço de motorista - atitude pouco comum no alto clero. Gosta de ouvir notícias pela rádio, de manhã e a noite, em casa.

Dom Sérgio substitui o cardeal Dom Raymundo Damasceno, que presidiu a CNBB nos últimos quatro anos. De acordo com as avaliações feitas sobre o seu perfil, acredita-se que ele deverá impor um estilo mais descentralizado à instituição, dando atenção a discussões internas da Igreja, sobretudo às diferentes ações pastorais em cada região do país. O novo presidente da CNBB é o que se define como um clérigo moderado, capaz de dialogar com os movimentos mais radicais, tanto progressistas como conservadores.


A CNBB foi fundada em 1952 com o objetivo de reunir os bispos brasileiros. Entre as atribuições da instituição, está a de elaborar diretrizes, cuidar do relacionamento da Igreja com os poderes públicos e estudar medidas evangelizadoras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário